Caindo na real com namoradas

Quando Nick Gross e Travis Mills entraram no mundo da música, a realidade foi uma reflexão tardia.

Era 2006, o auge da praia de Laguna fascinação, quando Gross, de 17 anos, assinou seu primeiro contrato com uma grande gravadora, em grande parte devido à recém-descoberta celebridade de seus companheiros de banda (veja: romances pseudo-roteirizados) no programa de moda da MTV. O grupo, um grupo adjacente ao Incubus chamado Open Air Stereo, se separou dois anos depois.

E foi em 2011 quando Mills, um rapper de 21 anos com um toque emo, assinou um contrato com a Columbia Records sob o nome de T. Mills, às custas de sua autenticidade.



Eu queria tanto ser bem-sucedido quando era mais jovem, que diria coisas que não eram necessariamente verdadeiras, ou meio que embelezaria as coisas e criaria essas músicas divertidas e hype, diz Mills a Aulamagna.

Avance uma década – e vários pivôs de carreira – e a dupla veterana se uniu para um novo projeto que é desprovido de toda essa besteira do passado.

É chamado Amigas , uma marca de pop-punk excitante e altamente viciante onde os ganchos são enormes e as emoções correm à flor da pele.

Tudo tem que vir de um lugar real, uma perspectiva real, algo pelo qual passamos, diz Mills, no Zoom de sua casa em Los Angeles.

A dupla, que começou em 2019 depois que os caras se conheceram por meio de amigos em comum, é em grande parte uma operação de dois homens – Mills oferece os vocais claros e cortantes e o multi-instrumentista Gross toca praticamente todo o resto. E é assim que os caras gostam.

Não queremos uma banda de cinco ou seis pessoas, diz Mills. Nick e eu sabemos o que estamos fazendo e queremos que seja muito conciso.

Embora os caras tenham buscado alguma orientação de John Feldmann, que é co-proprietário do Big Noise Music Group com Gross e produziu para uma lista monstruosa de ícones do pop-punk, incluindo Blink-182 (2016). Califórnia e 2019 Nove ).

Apropriadamente, o LP de estreia autointitulado do Girlfriends, lançado em outubro (sob o radar da pandemia), é fortemente influenciado pelo som do Blink: polido, apaixonado e dominante. Os caras até escolheram Travis Barker para uma participação especial na faixa Where Were You. O novo grupo está alinhado com o recente ressurgimento do pop-punk, com artistas de vários gêneros como Machine Gun Kelly, Trippie Redd e Mod Sun – com quem Girlfriends fará uma turnê neste outono – todos adotando o estilo retrô.

Acho que é apenas culturalmente um momento em que as pessoas precisam disso, e as pessoas querem se conectar emocionalmente a esse tipo de música novamente e ouvir instrumentos reais, diz Gross sobre o boom.

Mills, que em sua vida passada tocou na Vans Warped Tour em '09 e '12, diz que a comunidade que ele conheceu está se reformando: Estamos construindo coletivamente essa cena novamente, como era no auge. Tipo, essa banda está liderando uma turnê, e eles tiram seus amigos. Então, na próxima turnê, a banda de abertura é a atração principal e eles tiram seus amigos. É esse sentimento de camaradagem.

Girlfriends já está trabalhando em seu segundo LP e planeja lançar alguns novos singles ao longo do caminho, incluindo Tattoo de sexta-feira, a música mais rápida – e mais contagiante – da banda até hoje.

Sinto que essa música me leva de volta a ser criança, mas também é de uma perspectiva de agora, diz Mills. É tanto sobre relacionamentos que funcionam, e às vezes não, quanto sobre tinta dentro de sua pele.

Enquanto Mills e Gross estão muito ocupados além da banda - Mills apresenta O show de Travis Mills no Apple Music 1 e Gross lançaram um estúdio chamado Noise Nest em 2019 - ambos os jogadores de longa data estão entusiasmados por fazer música que finalmente fala a sua verdade.

Eu não acho que o mundo estava em um lugar para ouvir as pessoas falando sobre saúde mental quando começamos a fazer música, diz Mills. Você não pode falar sobre ansiedade e depressão. Então é bom ter uma plataforma agora onde podemos conversar com as crianças sobre coisas reais.

Sobre Nós

Notícias Musicais, Críticas De Álbuns, Fotos De Concertos, Vídeo